Macumba - Ebós - Feitiços

 

 

 

 

 

AXÉS COM ÈGÚN

 

 

Mo jubá.

Quando relaciono aqui AXÉS COM ÈGÚN tenho como finalidade colocar a seu dispor ferramentas diversas para você receber, dar, na realidade manipular esta energia. São dicas das mais diversas na linha de orações, ebós, obrigações, agrados, simpatias, muitas destas de manipulações tão antigas como o pó da estrada, outras são frutos da evolução humana,espiritual e claro folclórica. Tradicional.

Não significa que são ebós para você vencer em todos os obstáculos que temos que enfrentar na estrada da vida ao longo de seu percurso ,mas com certeza lhe darão ânimo,força e determinação.

Fortalecendo o seu modo de pensar significa você sair de uma situação estagnada seja qual for e partir para uma situação que julga ser melhor,isto em todos os campos.Através da conquista do espaço desejado.

Pode ser uma viagem que não se concretize.Um namoro complicado,um amante que não se decide.Uma venda que não se efetue,bem...as receitinhas estão abaixo.

Desejo que você tenha dicernimento para fazer a escolha,não apenas da ferramenta a usar,mas principalmente quanto a necessidade do uso.

Não significa que são ebós para você vencer a morte ou ficar rico fazendo axés para os antepassados,mas melhor o rumo para uma situação que julga ser melhor,isto em todos os campos e com o auxilio dos antepassados. Além claro de ajudá-los quando eles se encontram em situações difíceis no mundo espiritual.

Acredito ,também que no ciclo evolutivo são os antepassados elo fundamental para a ligação com os orixás.

Bem ,não vamos nos deter nestes detalhes,mas sim no quadro evolutivo da raça humana,tendo como alicerce nossos parentes distantes,parentes próximo, amigos, inimigos,vizinhos,etc,que participam da grande ,organizada e equilibrada evolução da raça humana.Sim eles que já estão a mais tempo na ceara espiritual são os elos de ligação entre nós e as entidades mais evoluídas.Claro que cada antepassado serve de acordo com suas condições de conhecimento,conforme a lei do carma,conforme a necessidade dele e nossa.Mas sempre ,sempre vinculado ao seu orixá de origem,a sua etnia espiritual,assim dizendo.

Portanto companheiro veja só o valor que tem os Ègún,nossos defuntos,principalmente aqueles que já tem um bom esclarecimentos.

Não os use só por benefício ou por vaidade.Use para contribuir na evolução individual e coletiva.Somos todos responsável pelas nossas atitudes,e dela vem a resposta para o futuro.

A religião dos orixás é uma religião de festa e partilha de alimentos.

Os antigos costumavam dizer que tudo no candomblé começa com comida.

Os alimentos são sagrados e contém axé ,e cada orixá tem sua iguaria especial.

O orixá , não come só .Para haver verdadeiramente a harmonia é necessário que a oferenda tenha um caráter comunitário.

Uma determinada parte da comidas é colocado aos pés do orixá ,a outra é partilhada entre todos.

Existem comidas especificas para cada situação que envolvam Ègún,embora sempre que se queira agrada-lo dá-se de comer a comida pertencente ao orixá do mesmo,somente em casos específicos é que a comida para segue uma linha diferenciada,como as papas, sopas, pudins, arroz com menga e galinha ,etc...

Animais a serem dados para Ègún também seguem a mesma regra levando em consideração o objetivo a ser alcançado.

E como toda a magia tem seu lado positivo e , ou negativo as obrigações e agrados para estes também sofrem as variações de acordo com o desejo do adepto.

Quem sabe não tem aqui uma receitinha especial para o seu caso?

Boa sorte

Ou Jafusi Inanga

 

PAI JORGE>(53)3230 0598 / (53)8116 7625 / 9101 2827 / 9949 9946

E-mail:rakaama@vetorial.net <==> Site:www.vetorialnet.com.br/~rakaama

No link SEMANARIO toda segunda-feira tem assunto novo.

 

 

 

=AGRADAR.

Para obter uma graça de Ègún ,ofereça um galo vermelho com esporão bem grande numa sexta-feira para Bará Lodê, de preferência ás doze horas, e no mesmo dia a pessoa tem que oferecer flores amarelas para os Ègúns, levando a um cemitério e colocando em uma cova ou túmulo que esteje ao seu ver muito tempo abandonado. Coloque a situação do desprezo que os familiares e amigos deixaram ele,a pouca importância que lhe dedicam e faça você a alegria de valoriza-lo .Após faça seus pedidos.E ao sair do cemitério vá até uma igreja católica e pague uma missa para todos os sofredores,passe por um mercado público com passos lentos,vendo as bancas e vitrines mas não compre nada e não atenda nenhum chamado,mesmo que seja uma vóz conhecida.

=AGRADAR.

Para agradar Ègún que seja familiar, devemos comprar um tecido branco de preferência de algodão.de maneira que possa fazer dele uma toalha de 40 cm por 30 cm, procurar um local alto de campo ou um local onde tenha grama e árvore danificada,seja pelo tempo ou por ação do homem,mas que dê a nítida impresão de estar quaze morta ou já seca.

Ao pé desta árvore faça a mesa contendo : ambrosia ,café , água mineral sem gás ,flores , fumo em rolo , cigarros , 9 velas brancas .

Fazer este ebó nas primeiras horas da manhã,se possivel em um domingo .

 

= ATRAPALHAR INIMIGOS.

Para atrapalhar e derrotar inimigo a pessoa pega utensílios de vidro que estejam lascados ou estalados , coloca-os em uma esquina de encruzilhada aberta ,ou seja em um dos cantos,e rega-os com cachaça .Acenda 12 velas de sebo.

 

=ATRAPALHANDO UMA MULHER.

Para livrar uma mulher de má influência de um Ègún , principalmente que esteje agindo contra a sua vontade , devemos fazer o seguinte axé:

-Comprar dois pombos fêmeas brancos e saudaveis.

-Prepara-se um pacote com *deburu,embrulhando em papel de seda preta.

-Faça com que a pessoa vista-se com roupas o mais colorida possível.

-Cante para todos os orixás ,e lentamente vá rasgando a roupa da pessoa deixando-a sem suas roupa que ficarão no chão.

-Passe o pacote com o deburu no seu corpo.

Passa-se os dois pombos brancos no corpo da mulher , dos seios até as partes genitais . Sacrifica-se os pombos sem retirar totalmente a cabeça ,sobre suas roupas e embrulha-se as aves nas roupas e enterra-se tudo na beira da praia .

 

=BÀBÁ ÈGÚN.

Numa segunda-feira,no horário compreendido entre 06 horas e 09 horas,faça esta oração,procedendo da seguinte maneira:

Acenda uma vela de sebo ,ao lado coloque um copo com água fresca.

....O espírito para nós sobrevive

é a quem nós saudamos e cultuamos no céu

Apresentamos nossos respeitos,

Ó espírito, ao ouvir o som de vossa voz

Nós vos saudamos quando chegas até nós

Vos saudamos Espíritos

A todos os ancestrais da minha família

Eu chamo a todos vós

Para virem dar-me proteção e ajuda.

eu peço a benção

Pais Espíritos.”

(fazer seus pedidos,conversando,como se você estivesse trocando idéias,pedindo opinião a uma pessoa mais velha e culta.)

E que assim seja!

....após esta oração despachar a água na rua,ou seja ao meio fio,saudando com as palavras MOJUBÁ,três vezes.

 

=BABA ÈGÚN NITÁ .

Para agradar Babá Ègún Nitá ,coloca-se “ *saraekó “ aos pés de uma árvore seca ou que possua um buraco no tronco , acende-se nove velas e oferece-se nove saraekó dentro de uma tigela branca com a borda lascada.Este axé deve ser feito sempre em uma segunda-feira.

 

=DEMANDA.

Pegue dois pratos brancos ,quebre-os nas pontas.

Faça com eles uma casinha em forma de triângulo.Coloque embaixo excremento de cavalo,com o nome do feiticeiro ou do seu inimigo dentro.

Regue tudo com cachaça,mas deixe um pouco de aguardente na garrafa e coloque uma bandeirinha colorida no gargalo.Acenda uma vela de sebo .

 

=DERROTAR INIMIGOS.

Quando você estiver sendo perseguido quer por encarnado ou desencarnado,como por exemplo espíritos obsessores, ou deseja obter algo que esteja difícil, coloca-se 13 *apetê de inhame com dendê para Bará .Arreia-se 12 bolas de inhame com *ori e *efum para Obatalá e da-se de comer aos Ègún sobras de comida de suas refeições em número de nove.Deve despachar tudo ao pé de uma árvore velha de preferência semi-morta ou seca,que tenha grama a sua volta.Acenda uma vela branca para Bará,uma branca e outra preta para Obatalá e nove brancas para os Ègúns.Ao retornar a sua residência coloque em local visível uma bandeira de pano branco.

 

=DESPACHAR ÈGÚN DE CONHECIDO.

Prepara-se água de *acaça durante 9 dias seguidos. Durante estes 9 dias , seus familiares de sangue bebem desta água.O que sobra a cada dia é colocado em uma vazilha e despachado na sepultura do morto no último dia,no qual deve ser rezada três missas em memória do defunto em igrejas diferentes.-

 

=DINHEIRO.

Para conseguir dinheiro com ajuda de Ègún, colocar atrás da porta uma quartinha com água e 9 pedacinhos de coco. De nove em nove dias despacha-se a porta e substui-se a água e o coco .

Ao colocar a água na rua deverá fraciona-la em três partes e cada uma jogada deverá ser pronunciada a saudação : MOJUBÁ ,VOZ SAÚDO SANTAS ALMAS VENHAM ABRIR MEUS CAMINHOS. Oriento para que este axé seje feito ás segunda,quarta ou sexta feiras,claro se for necessário e você tiver tempo disponível faça os três dias.

Se por ventura morar em apartamento,vá até a porta e despeje na rua ,de preferência que não seje emediato na saida do seu prédio para não intimidar e respeitar o direito dos outros,evitando assim constrangimento,e podendo você exercer o seu direito de efetuar os rituais de sua fé,sua religião.

Se estiver chovendo,não é necessário colocar o copo com água e nem despachar, lógicamente.

O melhor horário para este axé é dás 21hs ás 24 hs.Nos locais em que existe mudança do horário no período de verão deverá seguir o horário normal do ano todo.

 

=DINHEIRO ,*MACAXEIRA COM FRANGO .

-1 litro de água.

-40 pedaços pequenos de macaxeira .

-1/2 cebola média roxa picada.

-4 dente de alho.

-1 peito de frango.

-sal.

-pimenta-do-reino .

-salsa picada.

-azeite-de-dênde.

-Em uma panela cozinhe os cubinhos de macaxeira e o frango .Por 20 minutos.Deixe a macaxeira com a água e retire o frango,e deixe reservado.

-Frite a cebola e o alho com dendê, coloque na panela onde estava a macaxeira ,misture bem e amasse com o socador de madeira.

-Desfie a galinha e misture com o purê da macaxeira,bem como a salsa picada.

-Após tudo misturado coloque em tigela branca, após enfeite com folhas inteira de salsa.

Despachar numa segunda-feira próximo a um rio,acender uma vela amarela e seis velas de sebo.

 

=ENCRENCAS.

Se tem Ègún encomodando ,leve um pouco de resto de sua comida a um cemitério e ao pé de uma árvore faça o oferecimento da comida com 9 velas de sebo.

 

=ENLOUQUECER ALGUÉM.

Para enlouquecer uma pessoa usando a vibração de Ègún,você deve comprar um peixe fresco de boa aparência , de preferência um peixe que seja de sua região,ou mais comum se for uma região que não tenha produção ou criação em cativeiro,ele deve estar com as víceras intactas,portanto tenha calma ao abri-lo.Após a abertura que deve ser do tamanho necessário para você colocar dentro dele um sinal do seu desafeto,podendo ser retrato,nome,apelido,sinal como fio de cabelo, ou simplesmente um papel com a inscrição fulano(a) escrito sete vezes,e por cima do escrito rabisque sete cruzes, sempre utilizando lápis,grafiti.Coloque dentro da barriga do peixe junto com dois tipos de pimenta moída e uma pimenta fresca preferencialmente unha de moça,que você deve picar rezando a prece =*BÀBÁ ÈGÚN=, e fazer seu pedido.Após fechar a barriga do peixe,pegue nove velas de sebo e acenda oferecendo as benditas santas almas.

Despachar dentro de um rio ,mas se caso em sua cidade não houver ou for de difícil acesso,execute durante 7 dias a oração e acenda as velas,no final,ou seja no sétimo dia após fazer as orações espere as velas queimarem até o final ,embrulhe todos os restos de vela dos sete dias, empacote junte com o peixe e leve até o portão principal, de um cemitério.

 

 

=GUERRA ESPIRITUAL.

Se você esta em meio a uma demanda e esta difícil vence-la ou ter sossego,faça este axé com Nanã e os Ègún:

sacrifica-se um pombo branco pedindo a Nanã o que deseja e outro preto aos Ègún.

Nunca use faca para puchar para Nanã,devendo seus axés de corte ser feito com as mãos.

Coloque no alguidar o pombo da Nanã,e enfeite com *deburu feita no dendê.O pombo de ÈGÚN coloque no alguidar e regue com cachaça.As cabeças devem ser jogadas em uma praça bem distante de sua casa.

Despache os pombos em um local em que seja pantanoso,ou que tenha barro ,acenda uma vela vermelha para exu Mulo,uma vela lilás para Nanã, e nove velas de sebo para as Almas.

 

=LIVRAR-SE DE EGUN.

Banhar a pessoa com água de cangica branca , fazer um pacote com os grãos e passar na pessoa .Fazer um pacote com milho torrado.

Passar um pombo do mesmo sexo da pessoa doente , na pessoa e solta-lo com vida .

Os pacotes são colocados num alguidar e cobertos com outro alguidar emborcado por cima. Colocar em sua volta Formando um triângulo três pratos brancos com pipoca e uma vela acesa no centro do triângulo.

Despachar tudo próximo a um rio. Preferencialmente numa quarta-feira.

 

 

=MOLHO BRANCO PARA ALMAS.

 

-2 COLHERES DE SOPA DE *ORI.

-1 CEBOLA MÉDIA BRANCA RALADA.

-4 COLHERES DE SOPA DE AMIDO DE MILHO.

-2 CHÍCARAS DE CHA DE LEITE DE VACA.

 

-Leve o ori ao fogo e acrescente a cebola e deixe dourar,não queimar.

-Dissolva o amido de milho no leite frio e junte à cebola dourada.

-Mexa até engrossar e soltar do fundo da panela.-

 

=PERSEGUIÇÃO DE EGUN.

Para livrar-se da perseguição de um Ègún que esteja lhe prejudicando mas você não o que fazer mal,por se tratar de um parente ou amigo faça o seguinte:pegue três rosas branca,retire suas pétalas , coloque em uma vasilha e deixe por nove horas elas mergulhadas em água limpa.Cubra o vasilhame com uma toalha virgem branca.

Faça um pacote com as folhas e os galhos da rosa,bote fora.

Acenda uma vela quando fizer sete horas que você colocou as pétalas de molho.

Após completar as nove horas lave o rosto com a água das flores .Mantenha sempre os olhos abertos.

Pegue as pétalas e a água e jogue no meio fio da rua.Se a vela estiver apagada jogue as sobras dela também.

 

*GLOSSÁRIO.

 

=ACAÇAS>farinha de mandioca ou de milho,sal,água e azeite-de-dendê.

=APETE>bolinho feito de massa de batata ou mandioca cozida.

=BABA EGUN >prece continda no início, desta página, mas também você encontra no link >preces e orações.

=DEBURÚ>pipoca sem sal e sem gordura quando oferecido para exus, baras e pomba-gira, no entanto pode ser feito com dendê quando for para Nanã e com areia da praia para Xapanã e Nanã.

=EFUN>farinha feita da banana seca.

=MACAXEIRA>aipim, mandioca

=ORI>gordura extraída da cabeça do carneiro.

=SARAEKÓ>papa feita com água e farinha de mandioca.

 

 

PAI JORGE>(53)3230 0598 / (53)8116 7625 / 9101 2827 / 9949 9946

E-mail:rakaama@vetorial.net <==> Site:www.vetorialnet.com.br/~rakaama

No link SEMANARIO toda segunda-feira tem assunto novo.

 

Voltar